UBERLÂNDIA, TRIÂNGULO MINEIRO – Com a retomada do período chuvoso em Uberlândia, várias ruas da cidade já apresentam buracos e irregularidades no asfalto. Em alguns locais, as deformações possuem mais de 1 metro de diâmetro e obrigam os motoristas a mudarem repentinamente a direção dos veículos para evitar acidentes.

Na avenida Cleanto Vieira Gonçalves, no bairro Roosevelt, na zona norte, existe um buraco que ocupa quase a largura de uma faixa inteira da via. Ele fica sobre a faixa de pedestre, o que dificulta a travessia. De acordo com Jefferson Alves da Silva, dono de uma empresa nas proximidades, o problema é antigo.

“Esse buraco aparece constantemente. A Prefeitura vem e coloca uma massinha que não dura duas semanas. Já prestei socorro a vários motoristas vítimas de acidentes aqui”, afirmou.

Continua após a publicidade

Para Vander Moreira dos Santos, morador de uma casa no cruzamento das ruas Benjamin Constant e Itumbiara, no bairro Aparecida, setor central, há vários inconvenientes causados pelos buracos próximos à sua residência. “Esse (buraco) da esquina já faz uns oito meses que está aqui. As pessoas colocaram pedra nele para amenizar os impactos. Não tem como fazer a curva e não cair na cratera”, afirmou. Na rua Itumbiara, há, pelo menos, outros três buracos de mesmo porte.

Ao longo de toda a avenida Antônio Thomaz Ferreira de Rezende, próximo aos bairros Marta Helena e Distrito Industrial, na zona norte, existem, pelo menos, 15 buracos grandes. O local também foi apontado por motoristas como um local historicamente afetado em épocas de chuva. Ainda na zona norte, na avenida Lineu Anterino Mariano, no Distrito Industrial, um dos buracos possui mais de um metro de comprimento.


Comments are closed.