Idosa foi retirada de dentro de cova pelo Corpo de Bombeiros (Foto: TV Paranaíba/Divulgação)
Idosa foi retirada de dentro de cova pelo Corpo de Bombeiros (Foto: TV Paranaíba/Divulgação)

Na manhã desta quarta-feira (2), uma idosa de 70 anos caiu em uma cova de quase 2m de profundidade, no Cemitério São Pedro, enquanto fazia visita a túmulos de familiares. Segundo testemunhas, ela tentou cortar caminho e pisou em cima da placa que tampava o jazigo, que desmoronou. Ela teve ferimentos leves e foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros.

De acordo com um funcionário do cemitério, que não se identificou, o jazigo tem profundidade para três gavetas e havia sido fechado há 20 dias. Ele disse que a mulher tentou passar em cima da placa do túmulo, que não resistiu ao peso da vítima. “Por isso, a gente sempre pede para que as pessoas não pisem nas placas”, disse.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, três militares participaram da retirada da vítima do local do acidente. Ainda conforme os bombeiros, o resgate precisou ser prudente e foi dificultado pela grande quantidade de curiosos que se aglomeraram nos arredores da sepultura.

Continua após a publicidade

A senhora foi levada à Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro Planalto, zona oeste de Uberlândia. A assessoria de comunicação da Fundação Saúde do Município de Uberlândia (Fundasus) disse que a paciente fraturou a perna e passará por cirurgia. Ela aguarda transferência para o Hospital de Clínicas da UFU (HC/UFU).


Comments are closed.