UBERLÂNDIA, TRIÂNGULO MINEIRO – Um homem e uma mulher foram presos por estelionato nessa quarta-feira (16), no bairro Osvaldo Rezende, setor central. Os suspeitos, de 24 e 28 anos, utilizavam documentação de dentistas para adquirir produtos odontológicos e revender o material para outros profissionais. A Polícia Militar (PM) informou que o casal pode ter faturado cerca de R$ 100 mil com o esquema.

De acordo com a PM, o homem é ex-funcionário de uma empresa especializada em produtos odontológicos. Em posse de dados de profissionais da área, ele ligava na empresa e se passava pelos dentistas para realizar as compras.

Ainda de acordo com a PM, o caso passou a ser investigado quando a empresa alvo das compras começou a realizar cobranças junto aos dentistas que tiveram os documentos usados.

Continua após a publicidade

Após saber de uma entrega que seria feita nesta quarta, a PM montou um cerco e conseguiu deter o casal em uma residência no bairro Osvaldo Rezende, de propriedade da mulher. Um veículo também foi apreendido. Dentro dele, a PM encontrou alguns materiais odontológicos, também produto do golpe.

Os dois foram encaminhados para a delegacia de plantão.


Comments are closed.