A tragédia que vitimou ao menos 75 pessoas, entre elas jogadores e membros da equipe técnica do time de futebol catarinense Chapecoense, se soma à lista de acidentes aéreos envolvendo equipes esportivas.
A tragédia que vitimou ao menos 75 pessoas, entre elas jogadores e membros da equipe técnica do time de futebol catarinense Chapecoense, se soma à lista de acidentes aéreos envolvendo equipes esportivas.

ATUALIZADO ÀS 11H54M – 29/11/2016

Autoridades colombianas informaram nesta terça-feira (29) que ao menos 75 pessoas podem ter morrido durante a queda de um avião na cidade de La Unión, próximo a Medellín, na Colômbia.

Entre as vítimas, estava a delegação da Chapecoense e jornalistas brasileiros. O time disputaria nesta quarta (30) a primeira partida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional.

Continua após a publicidade

A informação foi inicialmente divulgada pelo general José Acevedo Ossa, membro da polícia local e responsável pelo resgate, e foi posteriormente confirmada pelo prefeito de Medellín Federico Guitiérrez Zuluaga. Contudo, as autoridades colombianas ainda não localizaram todos os corpos, por isso, pode haver alteração no número de vítimas.

O voo da empresa Lamia, proveniente da Bolívia, transportava 9 tripulantes e 72 passageiros. Ao menos 22 jornalistas da Fox TV, da Globo, RBS e rádios estavam no voo. As autoridades colombianas informaram que havia seis sobreviventes -um não teve o nome divulgado.

Entre os sobreviventes estão: o jornalista Rafael Hensel da rádio Oeste Capital, os jogadores Alan Luciano Ruschel, Jackson Ragnar Follmann, Marcos Danilo Padilha e um tripulante Ximena Suárez. Eles foram encaminhados para hospitais da região, alguns em estado grave.

Avião da Chapecoense saiu de São Paulo ontem à noite (Foto: Reprodução/TV Globo)
Avião da Chapecoense saiu de São Paulo ontem à noite (Foto: Reprodução/TV Globo)

Seis pessoas sobreviveram ao acidente do avião da Chapecoense

Pelo menos seis pessoas sobreviveram ao acidente de avião que levava a equipe da Chapecoense. Entre eles, três são jogadores, um é membro da tripulação da aeronave e outro é jornalista.

Sobreviveram os jogadores Alan Ruschel, Jackson Ragnar Follmann e Hélio Hermito Zampier Neto e o jornalista Rafael Henzel Valmorbida, além dos integrantes da tripulação Ximena Suárez e Erwin Tumiri.

As autoridades aeronáuticas colombianas inicialmente divulgaram uma lista com seis nomes que não incluía Zampier Neto –o jogador não havia sido encontrado pela equipe de resgate. Na listagem oficial, constava o goleiro Marcos Danilo Padilha que, segundo a Cruz Vermelha colombiana, havia sido resgatado, mas não havia sobrevido aos ferimentos. Contudo, a entidade voltou atrás e recolocou o atleta entre os feridos que seguem sob cuidados médicos.

O avião decolou de Santa Cruz de la Sierra (Bolívia) com 81 pessoas a bordo, sendo 72 passageiros e nove tripulantes. O acidente ocorreu na cidade de La Unión, que fica nas proximidades de Medellín, na Colômbia.

Confira a lista de sobreviventes:

TRIPULANTES

  • Ximena Suárez – a auxiliar de voo foi levada à clínica Somer de Rionegro
  • Erwin Tumiri – o técnico de aeronave também foi conduzido à clínica Somer

JOGADORES

  • Alan Luciano Ruschel – o lateral esquerdo foi levado ao hospital San Juan de Dios La Ceja
  • Jackson Ragnar Follmann – o goleiro foi conduzido à San Vicente Fundación
  • Hélio Hermito Zampier Neto – o zagueiro foi levado ao hospital San Juan de Dios La Ceja

JORNALISTA

  • Rafael Henzel Valmorbida – o radialista foi levado ao hospital San Juan de Dios La Ceja
O avião da LaMia prefixo CP-2933 que caiu com a delegação da Chapecoense, modelo Avro RJ85, é visto em foto de arquivo de setembro de 2015 em Norwich, na Inglaterra (Foto: Matt Varley/Reuters)
O avião da LaMia prefixo CP-2933 que caiu com a delegação da Chapecoense, modelo Avro RJ85, é visto em foto de arquivo de setembro de 2015 em Norwich, na Inglaterra (Foto: Matt Varley/Reuters)

Em uma nota oficial, o clube disse que não fará comentários oficiais até receber mais informações das autoridades colombianas.
Profissionais de imprensa
Guilherme Marques, da Globo
Ari de Araújo Jr., da Globo
Guilherme Laars, da Globo
Giovane Klein Victória, da RBS
Bruno Mauri da Silva, da RBS
Djalma Araújo Neto, da RBS
André Podiacki, da RBS
Laion Espíndola, do Globo Esporte
Victorino Chermont, da Fox
Rodrigo Santana Gonçalves, da Fox
Deva Pascovicci (Devair Paschoalon), da Fox
Lilacio Pereira Jr., da Fox
Paulo Clement, da Fox
Mário Sérgio, da Fox
Renan Agnolin, Rádio FM
Fernando Schardong, Rádio AM
Edson Ebeliny, Rádio AM
Gelson Galiotto, Rádio AM
Douglas Dorneles, Rádio AM
Jacir Biavatti, Rádio FM
Rafael Henzel Valmorbida, da Rádio FM


Comments are closed.