O cantor sertanejo Ronaldo, que faz dupla com Humberto, famosos pela música Solteiro Sim, foi preso em Goiânia por dirigir embriagado e sem carteira, depois de bater num muro (foto: Instagram/humbertoeronaldo/Reprodução)
O cantor sertanejo Ronaldo, que faz dupla com Humberto, famosos pela música Solteiro Sim, foi preso em Goiânia por dirigir embriagado e sem carteira, depois de bater num muro (foto: Instagram/humbertoeronaldo/Reprodução)

Será que a carreira de um cantor sertanejo é mesmo tão sobrecarregada? Essa foi a desculpa usada pelo cantor Ronaldo, que faz dupla com Humberto, para justificar o acidente que causou na madrugada de segunda, dia 5 de dezembro, ao bater o veículo que conduzia no muro de um condomínio na cidade de Goiânia, em Goiás. Segundo a Polícia Civil da capital goiana, ele foi detido por ter se recusado a soprar o bafômetro. Na delegacia, o artista teria dito, durante o depoimento, que bebeu dois copos de cerveja antes de pegar a direção. Depois de pagar R$ 3 mil de fiança, ele foi liberado.

A polícia incriminou o sertanejo nos artigos 306 e 309 do Código de Trânsito Brasileiro, que correspondem, respectivamente, a embriaguez ao volante e dirigir sem carteira de habilitação (CNH).

Em nota enviada ao portal Ego, de notícias de celebridades, a assessoria da dupla Humberto e Ronaldo informa que o sertanejo nunca havia se envolvido num acidente de carro. Eles esclarecem que a rotina agitada do cantor seria a responsável pelo cansaço que o fez bater contra o muro. “Ele está sob medicamento de dieta e, com a rotina puxada de compromissos, cochilou ao volante e perdeu o controle do carro”, diz a assessoria de Ronaldo.


Comments are closed.