Loalwa Braz, ícone do rítmo lambada, é achada carbonizada em carro no Rio

19012017-val-Loalwa-Braz
Divulgação

A cantora Loalwa Braz, 63, foi encontrada morta na madrugada desta quinta-feira (19) perto de sua casa em Saquarema, na região dos Lagos, no Rio. Seu corpo estava carbonizado dentro de seu carro.

Loalwa foi vocalista do grupo de lambada Kaoma, que fez sucesso nos anos 1980 com músicas como “Chorando Se Foi” (1989). O hit colocou a voz de Braz entre as 20 mais ouvidas do mundo (segundo o livro dos recordes).

De acordo com informações preliminares da Polícia Militar, o batalhão local foi acionado durante a madrugada por causa de uma invasão a uma casa na região, que foi seguida por um incêndio.

O Corpo de Bombeiros afirma que a casa era a pousada Azur, que pertencia a Braz. Perto dali foi encontrado o carro de Braz, carbonizado, com seu corpo dentro. O corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal).

A Polícia Civil ainda não esclareceu a relação entre os dois incêndios. Tampouco foram identificados os suspeitos da invasão à casa.

Aprenda a dançar Lambada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Partes de motos roubadas são encontradas em córrego em Ituiutaba

Avião cai em Paraty; STF diz que Teori Zavascki estava na lista de passageiros, diz jornal