Acidente ocorreu no km 652 da BR-262 (Foto: Ascom 2ª DRPC Araxá/Divulgação)
Acidente ocorreu no km 652 da BR-262 (Foto: Ascom 2ª DRPC Araxá/Divulgação)

A investigadora da Polícia Civil de Minas Gerais, Fernanda Tomaz Franco, morreu em um acidente na tarde desta sexta-feira (3), no km 652 da BR-262, em Ibiá, no Alto Paranaíba. A informação foi divulgada pela assessoria de comunicação da 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Araxá (2ª DRPC).

O acidente envolveu dois veículos. O carro em que a investigadora estava seguia para a Belo Horizonte. Outros três ocupantes do veículo foram socorridos pelo resgate da concessionária Triunfo e encaminhados ao Pronto Atendimento Municipal (PAM) de Araxá, onde após atendimentos e exames, um dos feridos foi medicado e liberado. Outras duas pessoas continuam internadas em observação, porém não correm risco de morte.

Ainda conforme divulgado pela assessoria, o condutor do outro veículo, que teve escoriações, relatou que seguia pela rodovia, quando perdeu o controle direcional do carro, rodou em uma curva, momento em que o outro veículo, que seguia na pista contrária, colidiu na lateral direita do seu veículo. O motorista ainda contou que chovia no momento do acidente.

Continua após a publicidade

O registro da ocorrência foi feito pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). A perícia técnica da Policia Civil e o Instituto Médico Legal (IML) de Araxá estiveram no local e realizaram os trabalhos de praxe, sendo o corpo removido para o IML, onde foi necropsiado. Em seguida, o corpo da investigadora foi encaminhado para a cidade de Uberlândia e liberado para os familiares.

Segundo a assessoria da 2ª Delegacia Regional, a investigadora se formou em 2016 na Academia de Policia Civil de Minas Gerais, era natural de Ituiutaba, tinha 27 anos e estava lotada na Delegacia de Polícia Civil de Monte Carmelo.


Comments are closed.