Águia-careca, protegida por lei, teve as garras cortas antes de morrer Foto: Polícia do Estado de Oregon / Divulgação
Águia-careca, protegida por lei, teve as garras cortas antes de morrer Foto: Polícia do Estado de Oregon / Divulgação

Autoridades americanas trabalham para identificar os suspeitos de matar e cortar as garras de uma águia-careca, em uma área de mata, em Oregon, nos Estados Unidos. Um dos símbolos da vida selvagem no país, os animais da espécie são protegidos por uma lei especial desde 1940.

A carcaça da ave de rapina foi encontrada perto da nascente do Rio Winchuch, na costa no sudeste do Oregon. No corpo do animal não foram encontrados outros ferimentos que não o corte das garras, usadas durante a caça das presas.

Se identificados, os suspeitos pela morte do animal podem ser presos e multados.

Continua após a publicidade

As autoridades já pedem que quem tiver informações sobre o caso repassem-na para a polícia.

As informações são da rede de televisão “Fox News”.


Comments are closed.