Namorado de mulher que tatuou virilha tenta matar tatuador e acaba matando criança em Uberlândia

UBERLÂNDIA, MINAS GERAIS – Uma criança, de 10 anos, foi baleada em uma residência na Rua Sinai no Bairro Canaã, zona oeste de Uberlândia. O crime aconteceu na madrugada desta quinta-feira, 6, e o garoto foi levado para em estado grave para o Pronto Socorro da Universidade Federal de Uberlândia (PS-UFU), mas não resistiu aos ferimentos.

O garoto estava deitado no sofá da sala, quando o suspeito entrou e disparou na vítima. O Corpo de Bombeiros (CB) e a Polícia Militar (PM) foram acionados no local e encontraram a criança no chão da sala, inconsciente. De acordo com o prontuário, ele teve uma perfuração no tórax com saída nas costas, passou por cirurgia e foi feito tentativa de reanimação.

Ainda não há informações sobre a motivação do crime, mas de acordo com militares (REDS 2017-007255948-001) o nome do principal suspeito é Éverson Teixeira Pereira, conhecido como “Nenê”.

Testemunhas alegaram que viram Éverson entrando na residência, chamando por Nilherme.

Nilherme contou que nesta quarta-feira, 5, fez uma tatuagem com a letra R na virilha da namorada do suspeito, que pode ter ficando com ciúmes do fato.

Militares foram até a residência do Éverson e a mãe dele alegou que o filho está no período de saídão e cumpre pena em uma penitenciária de Uberaba. Ele teria saído informando que iria para casa da namorada e não voltou mais.

O corpo da criança foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) e a equipe de homicídios da Polícia Civil está investigando o caso.

Essa é a 33º morte violenta em Uberlândia desde o início do ano.

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) informa que foi instaurado inquérito policial para apurar o homicídio. As diligências estão em andamento para localizar o suspeito, bem como apurar a motivação do crime.

Informações por Léo Carvalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Publicações indicam que preso pode estar usando Facebook em presídio em Uberlândia

Estreia do ”Dancing Brasil” é vice-líder de audiência no PNT