Ambulâncias do Samu apreendidas na BR-365 (Foto: PRF/Divulgação)

ITUIUTABA, MINAS GERAIS – Ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Emergência (Samu) foram apreendidas nesta segunda-feira (29) na BR-365, em Uberlândia. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a fiscalização ocorreu no Km 634 da rodovia e, durante abordagem, foi detectado que os quatro veículos estavam sem licenciamento.

“O comboio chamou atenção quando vimos um dos veículos sem a placa dianteira. Ao serem parados, os motoristas apresentaram somente a nota fiscal. Estas ambulâncias foram compradas em outubro de 2016 e deveriam ter sido registradas dentro de 15 dias, o que não ocorreu, por isso foram apreendidas e levadas para o pátio do Detran [Departamento de Trânsito]”, explicou o inspetor da PRF, Paulo Henrique Oliveira.

De acordo com Rodrigo Alvim, secretário executivo do Consórcio Intermunicipal da Rede de Urgência e Emergência da Macrorregião do Triângulo Norte (Cistri) – órgão responsável pelos veículos, as ambulâncias iam de Ituiutaba para Uberlândia para serem utilizadas na implantação do Samu Triângulo Norte.

Continua após a publicidade

“Elas estavam vindo para Uberlândia justamente para serem emplacadas. Antes de irem para Ituiutaba foram levadas para o estado de São Paulo, onde foram equipadas e depois voltaram para Betim, sede da montadora, e devolvidas em 4 de maio em Ituiutaba”, justificou.

Multa

Segundo o Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG), os veículos devem ser registrados e licenciados junto ao órgão de trânsito de cada cidade em até 15 dias. Após este prazo, o condutor que rodar sem placa cometerá uma infração gravíssima, com multa de R$ 191,54 e sete pontos no prontuário na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).


Comments are closed.