Dois estelionatários que tentaram receber R$ 9 milhões em precatórios de pessoas que já morreram foram presos na tarde desta sexta-feira (21) pela Polícia Federal (PF) de Minas Gerais. A dupla, que não teve as idades divulgadas, tentou receber os valores usando documentação falsa. 

Conforme a corporação, a quantia era referente à uma ação judicial que tramita na Justiça Federal do Distrito Federal. Munidos de procurações supostamente concedidas pelas pessoas que já faleceram, os homens tentaram receber em uma agência da Caixa Econômica Federal

Os funcionários do local consultaram os CPFs e constataram que eles estavam cancelados. Na primeira vez eles tentaram receber R$ 9 milhões, mas como não conseguiram, retornaram dias depois, mas desta vez um dos CPFs passados voltou a constar como regular no sistema. Na segunda tentativa eles solicitaram a retirada de R$ 3 milhões. 

Continua após a publicidade

Ainda de acordo com a PF, a pena a que estão sujeitos pode chegar a mais de três anos caso eles sejam condenados.


Comments are closed.