Conhecido por praticamente todos os mineiros, o jornalista Artur Almeida, apresentador do MGTV 1ª Edição, que faleceu nesta terça-feira (25), também marcou personalidades políticas. Nessa manhã, o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PHS), emitiu uma nota lamentando a morte do profissional da Globo Minas. 

“Recebi, com profunda tristeza, a notícia da morte do jornalista Artur Almeida, um grande profissional, que dignificava a categoria. Durante a campanha eleitoral do ano passado, tive a oportunidade de constatar pessoalmente a sua conduta ética como mediador de dois debates dos quais participei, promovidos pela Rede Globo. À família e ao jornalismo, a minha solidariedade neste momento difícil”, escreveu o prefeito de BH. 

Assim como o chefe do executivo municipal, o governador de Minas, Fernando Pimentel, também lamentou a morte de Artur em suas redes sociais. “Recebi com muita tristeza a notícia do falecimento do jornalista Artur Almeida. Em nome do povo mineiro, expresso aqui minha solidariedade à toda a família e amigos dele, que foi um profissional exemplar e vai deixar uma grande saudade para todos nós”, disse o petista. Confira o vídeo publicado pelo governador:

Continua após a publicidade

Até mesmo a Polícia Militar (PM) emitiu uma nota sobre a morte do jornalista. “A Polícia Militar de Minas Gerais lamenta a morte do jornalista Artur Almeida, da Rede Globo, ocorrida na madrugada de hoje, 25 de julho. A Instituição o considerava um grande comunicador e profissional exemplar para a categoria. A PMMG solidariza-se, neste momento, com familiares e amigos e deixa registrado seu sentimento de pesar”, disse. 

Relembre

O jornalista Artur Almeida morreu na noite dessa segunda-feira (24) aos 57 anos. Atualmente à frente do MGTV 1ª Edição, na Globo, ele estava de férias em Lisboa, capital de Portugal, quando teve uma parada cardiorrespiratória, segundo as primeiras informações. Ele, que estava com a mulher e uma de suas filhas, chegou a ser socorrido, mas morreu a caminho do hospital no país. 

Filho do também jornalista Guy de Almeida, Artur formou-se em Comunicação Social no primeiro semestre de 1983, na Pontifícia Universidade Católica (PUC-MG). Em 1987 trabalhou pela primeira vez na Globo, saindo em 1990 por dois anos. Depois disso ele retornou a emissora, onde continuou por 25 anos.

Artur Almeida foi repórter, apresentador do Bom Dia Minas, do MGTV e, desde 2009, editor-executivo da Globo Minas. 


Comments are closed.