Depois que a Polícia Militar (PM) intensificou o patrulhamento na Vila São Lucas, no aglomerado da Serra, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, três homens foram presos nesta quarta-feira (26) suspeitos de envolvimento nas trocas de tiros que aconteceram no bairro entre o último sábado e segunda-feira. De acordo com os militares, os presos integram a gangue da Vila Del Rey, que tem disputado os pontos de vendas de drogas na região com a gangue do Pau Comeu.

Desde a manhã desta terça-feira (25), equipes do Tático Móvel e do Grupo Especializado de Policiamento em Áreas de Risco (Gepar) estão auxiliando os policiais da 127ª Companhia da PM no exercício de rondas ostensivas pelas ruas e becos da vila. “Pelo menos até o fim desta semana, vamos fazer incursões planejadas, uma vez que identificamos alguns membros e sabemos do confronto entre as duas gangues”, explicou o tenente Mauro Lúcio, do Tático Móvel.

Nos dois dias de operação, além da prisão dos três homens, a PM apreendeu dois revólveres, uma pistola, munições de calibre 38, cartuchos de 9 milímetros e três rádios comunicadores. Os suspeitos foram encontrados no beco “Dona Balbina”, na companhia de outros dois homens, que conseguiram fugir. Os detidos foram levados para a Central de Flagrantes III, da Polícia Civil, no Barreiro.

Continua após a publicidade

Rotina. Apesar do clima de relativa tranquilidade no morro, os moradores da Vila São Lucas relataram a O TEMPO que, pelo menos desde sábado, trocas de tiros têm sido ouvidas à noite, sendo que na última segunda-feira, o tiroteio foi de uma intensidade maior. Boatos de que haveria um toque de recolher chegaram a circular, mas foram desmentidos por moradores e pela PM.


Comments are closed.