Foto: Google Street View

Pai e filho são suspeitos de matar um homem de 40 anos em Pará de Minas , no Centro-Oeste de Minas Gerais, no último domingo (15). O pai, de 35 anos, tinha o objetivo de assassinar a ex-companheira e chamou o filho de 14 anos para auxiliá-lo.

De acordo com a Polícia Militar, a mulher contou que estava com os dois filhos, que não tiveram a idade divulgada, e com o amigo, quando os suspeitos chegaram na casa. Eles jogaram uma pedra no telhado da residência e começaram a pedir para ela sair no portão. A mulher disse que se negou a deixar a casa e os suspeitos disseram que se ela não saísse, eles quebrariam  a casa toda.

Com medo, ela acabou saindo no portão na companhia do amigo. O ex-companheiro tentou agredi-la com uma faca. O amigo tentou defender a mulher e acabou sendo esfaqueado no braço pelo adolescente e no pescoço pelo homem de 35 anos. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionado para o local, mas o homem não resistiu e morreu no portão da amiga.

Continua após a publicidade

Testemunhas contaram aos militares que o adolescente ainda disse que assumiria o crime já que “não daria nada para ele”, por ter menos de 18 anos.

Pai e filho ainda fugiram do local, mas acabaram presos. Na casa dele foram apreendidas as facas utilizadas no crime, que já tinham sido lavadas, as roupas dos suspeitos sujas de sangue e o carro utilizado na fuga.

Pai e filho foram encaminhados para a Delegacia de Pará de Minas e a Polícia Civil vai investigar o caso


Comments are closed.