Foto: Irina Tikhomirova @IrinaGreenVoice

Uma tigresa que matou quatro pessoas no centro da Índia morreu por acidente em uma cerca eletrificada, anunciou uma fonte local neste domingo (15), dois dias depois que a Justiça ordenou sacrificá-la.

“Morreu eletrocutada no sábado às 02h30, recuperamos o seu cadáver”, afirmou Rishikesh Ranjan, diretora da Pench Tiger Reserve.

“A cerca foi colocada por moradores locais para se protegerem dos animais selvagens, principalmente dos javalis”, explicou.

Continua após a publicidade

Um tribunal do estado de Maharashtra ordenou na sexta-feira que sacrificassem a felina depois que causou sua quarta vítima.

A tigresa, conhecida como “Kala” (“Negra”, em hindu), foi capturada em julho após matar dois moradores locais e ferir outros quatro em Brahmapuri, no estado de Maharashtra.


Comments are closed.