A revista “Glamour”, na edição “Powered By Women?”, publicou uma carta da atriz DEBORAH SECCO. No texto, ela fala que as mulheres devem permanecer unidas. “Eu não me orgulho de ter traído, mas me pergunto: ‘Por que uma mulher, ao falar sobre sexo, é tida como vagabunda?’”, questiona a atriz, relembrando a declaração polêmica de que traiu todos os seus companheiros. “Não temos direito ao prazer e muito menos à liberdade de pôr na mesa assuntos velhos e vis. O pior? Perceber outras mulheres recriminando como se fossem homens. Minhas queridas irmãs: ou nos unimos ou continuaremos com taxas alarmantes de feminicídio”, disparou ela. 


Comments are closed.