O Atlético ainda não sabe se disputará a Libertadores de 2018, mas mesmo fora do torneio continental, o Galo pode estar no “Super Mundial de Clubes” em 2021. Isso mesmo. De acordo com publicação do jornal Marca, da Espanha, o Galo representaria o Brasil hoje por ter sido campeão da competição em 2013.

Detalhe importante, que o time mineiro entraria na disputa levando em consideração os quatro últimos anos da Libertadores. O Grêmio pode ser Campeão da Libertadores nesta quarta-feira. 

Segundo a publicação, o Galo representaria o Brasil em 2021 por ter conquistado a Libertadores em 2013, o único clube do país que celebrou o título nos últimos quatro anos. O Marca fez uma projeção dos clubes que estariam no novo mundial, caso a competição fosse disputada em 2018.

Continua após a publicidade

O novo mundial será disputado com 24 clubes. Serão 12 representantes da Europa, com Barcelona, Atlético de Madrid e Real Madrid, como representantes do futebol espanhol. Porém, nem estas equipes estão garantidas na competição em 2022, já que novos campeões serão conhecidos.

Na América do Sul seriam cinco clubes, sendo três equipes da Argentina, o Galo, além do Atlético Nacional da Colômbia. Dois da África, da América do Norte, da Ásia e um da Oceania.

Confira os clubes que estariam classificados se a competição fosse hoje

EUROPA:
1. Real Madrid
2. FC Barcelona
3. Atlético de Madrid
4. Juventus
5. Bayern Munich
6. PSG
7. Sevilla
8. Manchester City
9. Borussia Dortmund
10. Benfica
11. Arsenal
12. Porto

AMÉRICA DO SUL:
1. Atlético Nacional
2. River Plate
3. San Lorenzo
4. Atlético Mineiro
5. Boca Juniors

ÁFRICA:
1 –  Casablanca
2 – Mamelodi Sundows

ASIA:
1 – Urawa Red Diamonds
2 – Jeobunk Hyundai Motors

AMÉRICA DO NORTE
1 – Pachuca
1 – América do México

OCEANIA:
1 – Auckland City

 


Comments are closed.