Artilheiro do América na Série B, com nove gols, e um dos principais destaques do clube na campanha do título nacional, o atacante Bill termina a temporada comemorando as boas atuações. “Foi um ano muito positivo, e eu estou feliz de poder fazer parte desse grupo e ajudar o clube a conquistar seus objetivos”, disse o jogador, que tem contrato com o Coelho até maio do ano que vem.

“Criei uma afinidade muito grande com o América. É claro que eu gostaria de prorrogar o contrato, mas ainda não houve uma conversa. Neste momento, quero apenas curtir as férias e depois ver o que eles têm para me falar. Eu acredito que vou ficar no clube para a disputa da Série A”, destacou Bill, que foi contratado pelo alviverde para reforçar o time na Segunda Divisão.

Bill chegou ao América em maio, depois de disputar o Campeonato Catarinense pelo Figueirense e marcar apenas um gol. Mas o atacante tinha em seu currículo a artilharia da Série B de 2016 pelo Ceará, quando balançou as redes adversárias 15 vezes. No Coelho, o jogador fez 30 partidas e marcou gols nos confrontos com Criciúma, Brasil de Pelotas, Juventude, Paraná, Guarani, Londrina (2) e Boa Esporte (2).

Continua após a publicidade

“Eu gostaria de ter me tornado o artilheiro da Série B, como foi no ano passado, mas não aconteceu. Mas, independentemente de quem fizesse o gol, o mais importante é que o América conseguiu as vitórias, e coroamos o nosso trabalho como o título e o acesso”, declarou Bill, que destacou o gol marcado contra o Guarani, na vitória por 1 a 0, pela 33ª rodada, como um dos mais importantes dele com a camisa do Coelho.

“Estávamos vindo de empates com Brasil de Pelotas, Paraná e Boa Esporte, sendo que diante do Boa vencíamos por 2 a 0 e permitimos o empate. Esses resultados nos deixaram em terceiro lugar na tabela e aumentaram a pressão para voltar a vencer. Com a vitória sobre o Guarani, demos uma arrancada no campeonato para garantir o acesso e, depois, o título”, finalizou Bill.