Faltam poucos detalhes para o Atlético acertar sua primeira contratação para 2018. Trata-se de Arouca, de 31 anos, que atualmente defende o Palmeiras. Segundo fontes ligadas à negociação, os clubes já entraram em acordo financeiro para que o volante defenda o time alvinegro até o final da próxima temporada.

Arouca é aguardado na capital mineira nos próximos dias para finalizar os trâmites finais da negociação. Entre jogador e clubes já está tudo acertando, restando apenas exames médicos e a oficialização do acordo. 

Arouca chega ao Galo para preencher a lacuna na proteção à defesa. O volante é conhecido pelo seu ímpeto na marcação e pela boa saída de bola, qualidades que fizeram com que Oswaldo de Oliveira pedisse sua contratação à diretoria do Palmeiras quando lá esteve, em 2015. Além do alviverde paulista, os dois trabalharam juntos no Fluminense, em 2006, e no Santos, em 2014.

Continua após a publicidade

Esse, por sinal, pode ser um dos indícios da permanência do comandante no Atlético em 2018. Ele já foi procurado por Sérgio Sette Câmara, candidato à presidência alvinegra, para tratar do prolongamento do vínculo. Oficialmente, o Galo afirma que só irá confirmar contratações após o pleito, marcado para o próximo dia 11 de dezembro.

Esta não é a primeira vez que o Atlético busca Arouca. Em meados de 2016 e na última janela de transferências, o volante esteve na pauta alvinegra. A negociação, porém, não avançou devido ao desacordo financeiro entre os clubes.

Carreira

Revelado pelo Fluminense, em 2004, Arouca logo chamou a atenção pelo seu poder combativo no meio-campo e a boa saída de bola. Não à toa, despertou interesse do São Paulo, que o contratou em 2009 para a disputa da Copa Libertadores. Na temporada seguinte, porém, o tricolor paulista o envolveu em uma negociação com o Santos.

No Peixe, Arouca viveu sua melhor fase. Era ele o responsável por proteger a defesa na equipe que conquistou a Copa do Brasil de 2010, a Libertadores de 2011, a Recopa Sul-Americana de 2012 e os Paulistas de 2010, 2011 e 2012. Não à toa, foi lembrado por Mano Menezes para defender a seleção brasileira em meados de 2012.

Em 2015, Oswaldo de Oliveira, então treinador do Palmeiras, foi buscá-lo no Peixe. No alviverde, conquistou a Copa do Brasil de 2015 e o Brasileiro do ano seguinte.

Conhecido por sua vitalidade em campo, Arouca viveu uma situação incomum nesta temporada. Neste ano, o volante disputou apenas uma partida oficial com a camisa do Palmeiras. Após seguidas lesões no tornozelo esquerdo, o jogador disputou os nove minutos finais da vitória do Palestra Paulista sobre a Ponte Preta, por 2 a 0, em 19 de outubro passado, no Allianz Parque.

No total, Arouca tem seis convocações para a seleção brasileira e quatro partidas disputadas.

(*) sob supervisão de Cândido Henrique Silva