Com centenas de famílias desabrigadas, Caeté precisa de doações

A cidade de Caeté, na região metropolitana de Belo Horizonte, foi uma das mais atingidas pelo forte temporal que causou diversos estragos na tarde de quarta-feira (29). O município, de pouco mais de 40 mil habitantes, tem 200 famílias desabrigadas, sendo que 40 delas estão temporariamente no Ginásio Poliesportivo. Além disso, 2 mil residências foram danificadas durante o temporal. Com isso, a Prefeitura fez um apelo nesta quinta-feira (30) por doações de diversos produtos diferentes. 

A reportagem de O TEMPO está na cidade e percebe que a maioria das pessoas perderam praticamente todas as telhas das casas e, consequentemente, tiveram roupas, eletrodomésticos e outras coisas atingidas pela água.

Para os desabrigados, a Prefeitura pede ajuda com roupas, colchões, materiais de higiene pessoal, água mineral, telhas, produtos de limpeza e mantimentos não perecíveis. Todas as entregas podem ser feitas no Poliesportivo, que fica na avenida Carlos Cruz, no bairro José Brandão.

Diante da grande necessidade, outros dois pontos de doação foram divulgados na região metropolitana, sendo o Servas na capital mineira e a Defesa Civil, em Contagem. Confira os endereços dos pontos de doação: 

 – CAETÉ – Ginásio Poliesportivo de Caeté – Avenida Carlos Cruz, s/n – Bairro Barro Preto – Caeté/MG;

– CONTAGEM – Defesa Civil de Contagem – Rua vereador Deivid Costa, 14,  Bairro Fonte Grande – 24 horas

– BELO HORIZONTE- Serviço Voluntário de Assistência Social  (Servas) – Av. Cristóvão Colombo, 683, Bairro Funcionários

Com festa, delegação do Grêmio desembarca em Porto Alegre; veja fotos

Sem Yago pelo segundo dia, Adilson tem vantagem por titularidade