BARRANQUILLA, COLÔMBIA. O Flamengo está na final da Copa Sul-Americana. Nessa quinta-feira (30) à noite, o rubro-negro carioca venceu o Junior Barranquilla por 2 a 0, na Colômbia, pelo jogo de volta das semifinais, e agora vai decidir o título contra o Independiente, da Argentina, que eliminou o Libertad, do Paraguai, na terça-feira. Os jogos estão marcados para os próximos dias 6 e 13.

No confronto de ida das semifinais, o Urubu havia vencido os colombianos por 2 a 1, no Maracanã. Nessa quinta-feira (30), o time ampliou a vantagem com dois gols de Felipe Vizeu no segundo tempo.

O time flamenguista sabia que não teria moleza no estádio Metropolitano Roberto Meléndez, em Barranquilla. Apesar da vantagem obtida no Rio de Janeiro, era preciso ter cautela atuando na casa do adversário. Antes mesmo do início do jogo, uma baixa importante: o zagueiro Réver, que sentiu dores na coxa durante o treino do dia anterior, voltou a acusar o incômodo, no aquecimento, e foi substituído por Rhodolfo.

Continua após a publicidade

O jogo. O Junior Barranquilla foi para cima desde o início da partida e exerceu forte pressão. O Flamengo saía em velocidade e equilibrou o confronto também levando perigo ao adversário.

O gol que aliviou o rubro-negro aconteceu logo no início da segunda etapa. Após uma arrancada pela esquerda, Felipe Vizeu tocou na saída do goleiro Viera. No fim, o goleiro César defendeu pênalti cobrado por Chará. Em seguida, Vizeu escorou dentro da área e fez o segundo gol do Flamengo.