Um suposto crime de estupro foi o responsável por romper a relação entre dois amigos de Santana de Patos, no Alto Paranaíba. O caso aconteceu na tarde desse sábado (2).

A Polícia Militar (PM) da cidade foi acionada por um dos homens, de 18 anos, que acusou o amigo, de 30, de ter estuprado sua companheira, uma adolescente de 16 anos, dentro da própria casa, enquanto ele teria saído para comprar bebidas alcoólicas.

Segundo o homem, o suspeito, Diego Silva Rodrigues, teria ido até sua casa e pedido ao amigo que fosse comprar cerveja. O homem foi até um estabelecimento da região e comprou as bebidas, porém, desconfiando do pedido do colega, o marido resolver deixar o gravador do celular ligado, para ter provas, caso algo acontecesse entre ele e a mulher.

Continua após a publicidade

Ao retornar, o homem contou que Rodrigues rapidamente deixou a casa, e que, ao ver sua companheira, que teria ficado em casa, percebeu a jovem estava com diversas lesões pelo corpo.

Ao ser questionada, a moça respondeu que nada de importante teria acontecido, porém, ao ouvir o áudio, o homem perguntou novamente e a adolescente contou que Rodrigues teria invadido o quarto onde ela estava, tirado a roupa e tentando estuprá-la. A jovem contou ainda que tentou impedir o homem, porém, ele teria a agredido e consumado o crime.

A PM localizou o suspeito e o prendeu em flagrante por lesão corporal. Aos militares o homem negou o crime e informou que passou a noite na companhia do casal, dentro da casa, bebendo cervejas e que, pela manhã o marido da jovem teria saído para comprar bebidas. Ele disse ainda que quando o homem retorno, ele resolveu ir embora.

A moça, que estava com ferimentos no pescoço, rosto, braço e perna, foi encaminhada ao Hospital Regional da cidade onde foram feitos exames para constatar se houve ou não a conjunção carnal.

O caso foi encaminhado à Polícia Civil, que está investigando o crime e aguardando o relatório médico oficial para dar prosseguimento ao caso.
 


Comments are closed.