O Corpo de Bombeiros faz buscas na manhã desta segunda-feira (4) por um homem que foi arrastado pela correnteza e acabou jogado em um bueiro, em Vespasiano, na região metropolitana de Belo Horizonte. 

As informações iniciais da corporação indicam que a vítima, que tem aproximadamente 38 anos, foi levado pela força da água e acabou desaparecendo em uma galeria. A ocorrência foi registrada na avenida Existente, no bairro Morro Alto. 

No último sábado (2) um menino de 6 anos morreu em Perdizes, no Alto Paranaíba, após também ser arrastado por uma enxurrada e ir parar dentro de um bueiro enquanto brincava com o irmão. Testemunhas disseram ao Corpo de Bombeiros de Araxá, que fica a cerca de de 65 km de Perdizes, que o irmão ainda tentou salvar o menino, mas não conseguiu segurá-lo devido à força da correnteza.

Continua após a publicidade

Ainda conforme a corporação, o corpo foi encontrado pelas próprias testemunhas, que acionaram a perícia da Polícia Civil. Como o menino já estava morto, os bombeiros de Araxá foram dispensados e policiais rodoviários assumiram a ocorrência. 

 

Mortes

Até esta segunda a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec) já havia confirmado três vítimas fatais do período chuvoso de 2017, todas elas registradas no dia 2 de outubro. Em Belo Horizonte, um taxista de 37 anos morreu após ter seu veículo atingido por uma árvore enquanto estava estacionado. 

Os outros dois óbitos foram registrados em Uberaba, no Triângulo Mineiro, onde uma mulher de 41 anos e um homem de 36 morreram ao serem atingidos por uma descarga atmosférica. As duas vítimas fatais e outras 12 pessoas trabalhavam em uma plantação de cenouras quando foram atingidas por um raio.


Comments are closed.