Dois jovens foram presos na segunda-feira com 20 kg de maconha próximo a uma das saídas das Centrais de Abastecimento de Minas Gerais (Ceasa). 

De acordo com o delegado Eduardo Roberto de Souza, informações anônimas sobre o esquema começaram a chegar aos investigadores após a instalação da delegacia dentro da Ceasa, em julho deste ano. “Os investigadores recebiam denúncias de uma movimentação de drogas no maior pavilhão da Ceasa, que é a feira livre dos produtores”, informou.

As suspeitas foram monitoradas, e os policiais fizeram a prisão na segunda-feira. O delegado explicou que a equipe optou por fazer a abordagem dos suspeitos fora da Ceasa por questão de segurança, já que poderia caso houvesse algum tipo de reação por parte dos suspeitos. A dupla estava carregando a droga em um Gol. Outro Gol acompanhava os suspeitos, mas os quatro ocupantes do veículo conseguiram fugir. A polícia investiga para quem essa droga seria vendida.

Continua após a publicidade

Um suspeito informou à reportagem que não sabia que estaria transportando drogas e que foi “contratado” somente para levar o carro. A reportagem não conseguiu falar com a assessoria de imprensa da Ceasa.

Desmanche

Também na última segunda-feira, a equipe do delegado Eduardo Eduardo Roberto de Souza recebeu uma denúncia de que veículos estariam sendo desmanchados clandestinamente no bairro Parque Recreio. Os policiais foram até o local e se depararam com três jovens desmontando uma motocicleta. Partes do veículo já estariam sendo embalados para a revenda.


Comments are closed.