Nos últimos dias, a Defesa Civil de Uberlândia, em parceria com funcionários da Secretaria de Meio Ambiente, está realizando trabalhos preventivos como forma de evitar novos transtornos e até mesmo a morte de pessoas durante o período chuvoso.

A equipe de reportagem da TV Vitoriosa acompanhou um desses trabalhos. No caso, a limpeza de uma boca de lobo, em uma esquina do Bairro Umuarama, que estava tomada pelo mato e cheia de lixo em seu interior, o que atrapalharia o escoamento de água durante uma chuva.

O Capitão Afonso, da Defesa Civil, lembra que a população também precisa fazer sua parte para evitar que esse tipo de transtorno aconteça.

Continua após a publicidade

“É o que nós estamos sempre batendo: solicitando à comunidade e aos cidadãos, os moradores, que colaborem com a Defesa Civil, no sentido de limpar a porta de sua casa, de não colocar o lixo em horário antecipado, não deixar o lixo fora da lixeira e na calçada e nem no aterro de construção”, disse.

Outra questão que costuma atrapalhar os serviços prestados pela Defesa Civil são os trotes, brincadeiras de mau gosto que podem custar vidas. Durante a limpeza da boca de lobo, o Capitão Afonso recebeu cinco ligações dessa natureza.

“No período em que estivemos aqui, tivemos cinco trotes. O 199 (telefone de contato da Defesa Civil) é um telefone de emergência, o 199, 193 (Corpo de Bombeiros) e o 190 (Polícia Militar). Nós estamos identificando essas ligações, identificaremos essas pessoas e vamos tomar as medidas legais para que elas não interfiram no nosso trabalho, atrapalhando um serviço de emergência”, comentou.

Informações: Carlos Vilela


Comments are closed.