Como parte das comemorações do aniversário de 120 anos de Belo Horizonte, o refeitório popular da Câmara Municipal da capital foi reaberto nesta terça-feira (12). O refeitório havia sido fechado em junho de 2016 para a realização de obras nas instalações.

O refeitório vai funcionar de segunda a sexta-feira, das 11h às 14h. Serão servidas cerca de mil refeições por dia, pelo preço de R$ 3. A alimentação será preparada no restaurante popular da área hospitalar e transportada para o local, sob a supervisão de nutricionistas.

A compra do mobiliário do refeitório foi feita pela prefeitura e teve um custo total de R$ 63 mil. “O que nós estamos entregando aqui é uma modesta reforma, que não passa de uma promessa de campanha. Nós estamos simplesmente fazendo funcionar o que tem que funcionar”, afirmou o prefeito Alexandre Kalil (PHS), durante a solenidade de reabertura do refeitório.

Continua após a publicidade

A secretária municipal de Políticas Sociais, Maíra Colares, ressaltou a situação de crise e a dificuldade de muitas pessoas de acesso à alimentação. “Representa uma conquista muito importante da cidade. Os refeitórios e restaurantes populares são uma estratégia importante de garantia ao direito humano à alimentação, é uma política importante de segurança alimentar do município”, disse.

As pessoas em situação de rua cadastraras pela prefeitura têm direito a refeições gratuitas no refeitório. É necessário apresentar um documento de identidade e o comprovante do cadastramento. Já beneficiários do programa Bolsa Família têm direito a 50% de desconto.


Comments are closed.