Preso homem que fez 16 vítimas em assaltos em apenas cinco dias

O suspeito de cometer assaltos em série durante o mês de novembro em diferentes pontos de Juiz de Fora, na Zona da Mata, foi apresentado pela Polícia Civil nesta terça-feira (12).

Lucas Francisco da Silva, de 21 anos, é apontado pelas investigações como o autor de seis roubos na cidade em apenas cinco dias. Segundo a corporação, ele teria feito pelo menos 16 vítimas. Para isso, o suspeito contou com a ajuda de um comparsa, que seria primo dele.

Em todos os casos, conforme relata a Polícia Civil, o suspeito estava em uma motocicleta e carregava uma arma de fogo para abordar as vítimas. Ele teria, inclusive, tentado matar policiais militares ao ser abordado depois de um assalto a uma residência na zona sul de Juiz de Fora.

Os crimes

A corporação explicou que a série de crimes começou no dia 3 de novembro, uma sexta-feira, no bairro Bom Pastor, onde Silva roubou a motocicleta utilizada nos demais assaltos. Naquela ocasião, ele fez duas vítimas.

Dois dias depois, num domingo, ele cometeu três assaltos. O primeiro foi em um posto de combustíveis no centro de Juiz de Fora, com três vítimas. No segundo, ele roubou duas pessoas que estavam dentro de um carro estacionado. O bairro onde aconteceu esse crime não foi informado pela Polícia Civil. No terceiro e último crime no mesmo dia, ele abordou um motociclista no bairro Costa Carvalho.

Na segunda-feira, dia 6 de novembro, Silva continuou a série de crimes. Naquele dia, ele roubou cinco pedestres na zona sul do município. Para fechar a sequência, na terça, o suspeito assaltou uma casa, também na zona sul, onde fez três vítimas, mas foi surpreendido com a chegada da Polícia Militar (PM). Durante a fuga, com troca de tiros, ele conseguiu escapar, mas o comparsa foi atingido por um tiro e morreu. A identidade dele não foi divulgada.

A prisão

Lucas Francisco da Silva foi identificado graças a uma câmera de segurança que registrou o assalto no posto de combustíveis. As demais vítimas também reconheceram o suspeito. O dia da prisão e o local onde ele foi encontrado não foram divulgados. Ele foi encaminhado ao Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) em Juiz de Fora.

Mineirinho ganhará mercado com 150 lojas

Dupla que teria participado de roubo milionário no Serra é presa em BH