Pai é preso após esconder ecstasy no urso de pelúcia da filha

Estranhando o apego de um homem de 27 anos ao urso de pelúcia da filha, a Polícia Militar de Itaobim, no Vale do Jequitinhonha, conseguiu encontrar dentro do brinquedo 154 comprimidos de ecstasy, nessa terça-feira (12). Ele acabou preso por tráfico de drogas.

Segundo a corporação, horas antes da localização dos entorpecentes, militares foram chamados pela mulher do jovem, vítima de violência doméstica. Ele foi conduzido à delegacia após uma briga e foi liberado.

Ele voltou para porta de casa, no centro da cidade, com a intenção de pegar seus pertences. Com medo, a mulher acionou novamente os policiais e, após a chegada da corporação, autorizou que ele entrasse no imóvel. Sampaio foi para o quarto do casal e disse aos militares que precisava pegar bolsas, equipamentos e o urso da filha.

Eles deslocaram para o quarto da criança e, nesse momento, o sargento balançou a pelúcia. Diante do barulho, os policiais abriram o brinquedo e encontraram os comprimidos em dois frascos.

No cômodo também foram localizadas uma balança de precisão em cima do guarda-roupas e uma porção de maconha.

Sobre o ecstasy, o homem se defendeu afirmando que era para uso próprio como suplemento de academia. O homem, que estava com R$ 1.955, foi preso em flagrante e encaminhado à delegacia. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nora é presa após tentar matar sogra asfixiada em Manhuaçu

Faixa de sinalização é pintada em cima de buraco em Divinópolis