Suspeito de tentativa de estupro é agredido em Uberlândia

Homem foi agredido por familiares da vítima

UBERLÂNDIA, MINAS GERAIS – Um homem foi conduzido à delegacia de Uberlândia para prestar depoimento acerca de uma denúncia de estupro tentado no Bairro Carajás, na tarde desta terça-feira, 12. Francisco Gonçalves dos Santos, de 36 anos, alega inocência.

A suposta vítima o acusa de tentar derrubá-la da bicicleta e tentar arrastá-la para o mato. O fato teria acontecido na Rua Porangaba, entre os Bairros Carajás e Lagoinha. O suspeito acabou sendo agredido pelos parentes e amigos da vítima.

Francisco disse que tem costume de ficar no terreno baldio onde a mulher passa frequentemente, mas nega ter sequer encostado nela. Ele contou que, nesta tarde, ela passou de bicicleta e ele estava debaixo de um pé de manga após colher alguns frutos. Logo depois o marido da moça chegou com dois homens e eles o agrediram com socos e chutes, alegando que Francisco tentou estuprar a vítima.

Sem explicar claramente, Francisco disse que quando morava na casa da avó de uma “menina”, em São Paulo, ele também foi agredido sob a mesma acusação. Ele veio morar na casa da irmã em Uberlândia.

Informações de Carlos Vilela

Corregedoria da Polícia Federal investiga ação na UFMG

Operação investiga esquema de comércio irregular de cigarros em MG