Políticos enfrentam pressão pelo aumento de teto da dívida dos EUA

O Congresso em Washington espera aprovar até sexta-feira o aumento do teto da dívida federal dos Estados Unidos, ao menos de forma paliativa, e enfrentam pressão para chegarem a um consenso antes do vencimento atual do teto, que será à 0h01 de sábado (pelo horário local).

A expectativa é de que a Câmara dos Representantes vote um projeto de curto-prazo, para manter o governo em funcionamento ao menos até 19 de janeiro.

No entanto, os republicanos na Câmara ainda enfrentam dificuldades para unir o partido. Em reunião à portas fechadas ontem à noite, os líderes republicanos tentaram montar um projeto de longo-prazo sobre o aumento do teto da dívida, que deixaria a votação para janeiro, mas diversos políticos se mostraram contrários.

Não está claro também que projeto a Câmara poderá votar hoje. Com a aproximação do vencimento do teto, algumas questões mais polêmicas, como o futuro de jovens imigrantes ilegais, permanecem incertas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Brasil tem menos estudantes na pré-escola e no ensino médio

Procuradora agride repórter em entrevista sobre salário; veja vídeo