CAPINÓPOLIS, MINAS GERAIS – A morte do diretor da Escola Estadual Governador Juscelino, Fausto Fábio de Araújo, 54 anos, deixou Capinópolis um pouco mais triste na última quarta-feira (27). Fausto morreu em Betim (MG), quando voltava de uma manifestação do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais – Sind UTE, que foi realizada em frente ao Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte.

Fausto sofreu um mal súbito.

O Sind UTE/MG divulgou nota de pesar pela morte do diretor e professor Fausto.

Continua após a publicidade

Além de diretor, Fausto era professor de Filosofia, Sociologia, Artes e aluno do Curso de Direito da Universidade do Estado de Minas Gerais – UEMG.

Na diretoria da Escola Governador Juscelino, em Capinópolis, Fausto e outros colaboradores conseguiram o fato marcante de revolucionar o ensino e dar uma nova perspectiva aos alunos. O conceito da escola, antes desacreditada, passou a se destacar pelas atividades intensas e inovadoras.

Uma foto com os dizeres “Você será sempre lembrado … Valeu Fausto!” circulou amplamente pelas redes sociais.

Reprodução

“Um verdadeiro irmão, um guerreiro, um companheiro, um amigo, um conselheiro, um apoio, um esteio. Que Deus abençoe a todos: esposa, filhos e todos parentes e amigos pois a distância me priva de despedir dele junto com todos que o admiram”, disse o irmão de Fausto, Anildo Fábio de Araújo em uma rede social.

Fausto deixa dois filhos, a esposa, os irmãos e os pais – Anália e Odadir.

Leia a nota do SindUte


Comments are closed.