Mulher mata homem com faca e alega que pensou que seria assaltada

Um homem de 38 anos foi morto na noite de domingo (14), em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte, após uma mulher esfaqueá-lo por pensar que ele iria assaltá-la. Douglas Fernandes da Silva foi atingido por uma facada no abdome.

Para a Polícia Militar (PM), Angélica Fernandes Neves Fátima, de 25 anos, contou que saiu de casa para comprar cerveja, por volta das 20h30, quando o homem teria tentado abordá-la colocando a mão na cintura.

Segundo a mulher, ela pensou que ele estaria armado e que seria assaltada e, como estava com uma faca, acertou um golpe na vítima.

Angélica fugiu e foi localizada pela PM na casa dela, no aglomerado das Antenas, no bairro Palmital, em Santa Luzia. Ela confessou o crime e apresentou a arma. O homicídio aconteceu na Avenida João Batista, no Palmital.

Douglas chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e morreu ao dar entrada na Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) São Benedito. Uma irmã dele contou à PM que ele era usuário de drogas.

Existia um mandado de prisão em aberto contra o homem morto, mas a PM não informou por qual crime. Angélica foi levada presa para a Delegacia de Plantão de Santa Luzia e a Polícia Civil (PC) vai investigar o homicídio.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BH registra o menor índice de homicídio dos últimos 17 anos

Tempo instável permanece durante a semana em Minas Gerais