Uma menina de apenas 4 meses está internada com traumatismo craniano, nariz quebrado, e duas diferentes explicações que poderiam justificar o motivo das lesões. De um lado, a mãe da garotinha afirmando que a filha caiu acidentalmente. Do outro, avó materna afirmando que ela foi jogada no chão pela mulher de 19 anos. Diante da situação, a jovem acabou presa na última segunda-feira (17).

De acordo com o delegado Antônio Carlos Buttignon, o caso foi descoberto depois de uma briga da suspeita, que não teve o nome divulgado, com uma outra mulher. “Essa briga começou na rua e a investigada estava com a filha no colo. Com medo, a avó materna pegou a neta e levou para dentro de casa. O bate-boca acabou e a mãe da bebê voltou para residência da família”, contou o policial.

Nesse momento, segundo a mãe da menina, ela teria tentado pegar a filha do colo da avó e ocorreu a queda. Já a mãe da presa disse que ela agrediu o bebê.

Continua após a publicidade

“A mulher que brigou ligou para a Polícia Militar e apontou o endereço da rival. Elas disseram que tinha desentendimentos antigos por conta de grupinhos de bairro. Ao chegar no imóvel, a equipe encontrou a garota machucada e a encaminhou à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade. A mãe foi conduzida à delegacia e autuada por lesão corporal grave”, contou o delegado.

Após prestar depoimento, a mulher foi encaminhada ao sistema prisional. As investigações do caso continuam e familiares devem prestar depoimento nos próximos dias.


Comments are closed.