Mancuello vestiu a camisa do Cruzeiro, pelo qual assinará contrato até dezembro de 2020 Fonte: Cruzeiro/Divulgação

Depois de acertar nessa segunda-feira a rescisão contratual com o Flamengo, o meia Federico Mancuello chegou a Belo Horizonte nesta terça. Na Toca da Raposa II, o jogador passará por exames médicos antes de assinar contrato de três anos com o Cruzeiro. O argentino é o sétimo reforço da Raposa na temporada.

No centro de treinamento celeste, Mancuello foi recepcionado pelos compatriotas Ariel Cabral e Lucas Romero. Nos tempos de futebol argentino, o recém-contratado defendeu Independiente e Belgrano, enquanto os “velhos de casa” do Cruzeiro atuaram pelo Vélez Sarsfield.

Continua após a publicidade

Em entrevista há uma semana, Romero já havia enaltecido as qualidades do novo contratado. “Mais um para beber chimarrão (risos). Todos os jogadores que chegaram esse ano foram muito bem recebidos e se ele tem que chegar será também muito bem recebido. Ele é muito bom. Seguramente, se ele chegar, vai ser para somar para o time. Como todos que chegaram”, disse. “Ele é um grande jogador, passou pela Seleção Argentina e isso fala da qualidade dele. Ele joga como volante, por fora, lateral-esquerdo, é um jogador que joga em várias posições. É um jogador que sabe tratar bem a bola”, acrescentou.

Quem também comentou os planos para Mancuello foi o técnico Mano Menezes. Segundo o comandante, o argentino proporcionará uma condição melhor para o centroavante Fred fazer gols. “Contratamos um jogador, o Fred, que tem uma maneira muito definida de jogar. E com um jogador como esse é preciso entender algumas mudanças necessárias para tirar o melhor proveito. É um jogador de área e a bola precisa chegar, é um dos melhores definidores do país. Para fazer essa bola chegar, temos que ter uma composição de meio-campo diferente do que fazíamos antes. A chegada desses jogadores, como Mancuello e Bruno Silva, visam a mudar a formação para que tenhamos êxito lá na frente”.

Por Mancuello, o Cruzeiro pagará ao Flamengo US$ 1,8 milhão (cerca de R$ 5,8 milhões) divididos em quatro parcelas e ficará com a posse de 60% dos direitos econômicos. Ele e os outros seis contratados – o lateral-direito Edílson, os laterais-esquerdos Egídio  e Marcelo Hermes, o volante Bruno Silva e os atacantes David e Fred – serão apresentados para a torcida antes do duelo com o Tupi, nesta quarta-feira, às 21h45, pela primeira rodada do Campeonato Mineiro. Até o momento, apenas Egídio e Marcelo Hermes tiveram os contratos publicados no Boletim Informativo Diário da CBF.

Pelo Flamengo, Mancuello disputou 68 jogos, marcou 10 gols e deu 10 assistências em duas temporadas. Com a camisa do Independiente foram 174 partidas e 21 tentos assinalados. No Belgrano, o jogador esteve em campo 21 vezes e balançou a rede uma vez. Mancuello também foi chamado para a Seleção Argentina, em 2015, pela qual fez dois amistosos e contabilizou um gol.

Superesportes


Comments are closed.