Homem é morto após defender porteiro de boate em Lassance

Um homem de 32 anos foi morto, na noite deste domingo (21), depois de defender o porteiro de uma boate em Lassance no Norte de Minas Gerais. De acordo com a Polícia Militar, um grupo tentou entrar na boate sem pagar e o porteiro impediu. No entanto houve uma briga entre o grupo, o porteiro e o amigo dele.

Thiago Franklin Dias da Silva defendeu o porteiro durante as agressões. O grupo foi embora da boate, mas horas depois um homem voltou e atirou seis vezes contra o rosto de Thiago que morreu na hora. O porteiro não foi atingido.

A polícia faz buscas na região para encontrar os suspeitos do crime. Na boate não havia câmeras de segurança para recolhimento das imagens.

PM encontra droga dentro da fralda de um cadeirante na cidade de Uberaba

Após chuva, árvore cai em cima de carro na rua Espírito Santo