Um homem de 32 anos foi morto, na noite deste domingo (21), depois de defender o porteiro de uma boate em Lassance no Norte de Minas Gerais. De acordo com a Polícia Militar, um grupo tentou entrar na boate sem pagar e o porteiro impediu. No entanto houve uma briga entre o grupo, o porteiro e o amigo dele.

Thiago Franklin Dias da Silva defendeu o porteiro durante as agressões. O grupo foi embora da boate, mas horas depois um homem voltou e atirou seis vezes contra o rosto de Thiago que morreu na hora. O porteiro não foi atingido.

A polícia faz buscas na região para encontrar os suspeitos do crime. Na boate não havia câmeras de segurança para recolhimento das imagens.


Comments are closed.