A agência de classificação de risco Fitch Ratings reafirmou hoje (22) o nível de risco (rating) da dívida corporativa da Petrobras em BB e manteve a perspectiva negativa. A decisão foi divulgada por meio de comunicado ao mercado nesta segunda-feira.

A Fitch considera que o nível de risco da estatal “está fortemente correlacionado com o risco soberano” do Brasil, por causa do controle acionário exercido pela União, segundo informou a Petrobras.

No dia 12, a agência de classificação de risco Standard & Poor’s (S&P) também manteve o nível de risco (rating) da dívida corporativa da Petrobras, neste caso em BB-, com perspectiva estável.

Continua após a publicidade

Agência Brasil


Comments are closed.