Os terrenos onde ocorreram as reintegrações de posse por parte da prefeitura de Uberlândia estão abandonados. Várias casas foram demolidas nos Bairros Granada e Lagoinha para construções de áreas de lazer, mas até o momento só tem lixo.

No dia 22 de agosto do ano passado, a prefeitura realizou a reintegração de posse em um terreno, que pertence ao município na Rua Inácia Teodora, no Bairro Granada. Os moradores já estavam no local há 20 anos e tiveram que se mudar às pressas, já que o prazo para saída do local foi de apenas 15 dias.

Os moradores tentaram negociar os lotes com a prefeitura, mas não houve acordo. Na época da demolição, a TV Vitoriosa esteve no local e o que a população mais falava aconteceu. “Tomara que aqui não volte a ser um lixão como era no início”, afirma ex-morador.

Continua após a publicidade

O repórter voltou ao local nesta segunda-feira, 22, e constatou que o terreno realmente virou um lixão e que nada ainda foi construído. Na época da demolição houve a possibilidade da construção de uma praça ou uma academia ao ar livre.

Desapropriação Lagoinha

No dia 22 de novembro, ocorreu a desapropriação no Bairro Lagoinha. Cerca de sete famílias foram despejadas. O terreno é da prefeitura e os moradores estavam ocupando uma extensão de dois quarteirões da Rua Berthoaldo Thomaz de Aquino.

O local também virou um lixão e os moradores reclamam da decisão tomada pela prefeitura. “Muitas pessoas ficaram sem lugar de morar e agora os terrenos se transformaram em lixão,”, afirma moradora.

Leia mais sobre o assunto:
Prefeitura inicia demolição dos muros de casas em rua do Bairro Granada

 Servidores da prefeitura cumprem reintegração de posse no Bairro Lagoinha

 

 


Comments are closed.