O setor turístico aguarda com ansiedade pela chegada do Carnaval neste ano, que irá acontecer a partir da segunda semana de fevereiro. E, assim como nos anos anteriores, os profissionais da área em Belo Horizonte também esperam pelo movimento que a folia traz à cidade. Segundo o Ministério do Turismo, a capital mineira está na lista das cidades mais procuradas do país durante o evento.

As estimativas do órgão apontam que a festa deverá injetar cerca de R$ 11,14 bilhão na economia nacional. A expectativa é que serão mais de 10 milhões de viajantes brasileiros e aproximadamente 400 mil turistas internacionais.

As cidades que são mais procuras durante o período da folia são: Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Belo Horizonte, Recife e Olinda. Juntas, elas são responsáveis por 65% de toda a movimentação financeira no país, um total de R$ 7,4 bilhão.

Continua após a publicidade

Dados da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV) mostram que, até o fim do Carnaval, as vendas dos pacotes de viagens aumentarão 15% em relação ao mesmo período do ano passado.

O destino que mais vem despontando no Carnaval de rua nos últimos anos é Belo Horizonte. A expectativa em 2018 é de um crescimento de 20% no público, chegando a 3,6 milhões de foliões na cidade, que deverão deixar cerca de R$ 637 milhões na capital.

Em outras cidades,também bastante requisitadas pelos foliões, atração é o que não falta. O destino mais procurado é o Rio de Janeiro, onde são esperados 6,5 milhões de festeiros, sendo 1,5 milhão de turistas que, juntando com os moradores da capital carioca, devem movimentar R$ 3,5 bilhões.

Em São Paulo, as atrações do Sambódromo e do Carnaval de rua devem movimentar R$ 464 milhões para o turismo da cidade, segundo a São Paulo Turismo. No Recife, serão 43 polos de animação espalhados pela cidade com mais de 2.000 apresentações.

Em Olinda, o tema será “Olinda, terra de gigantes”, com 230 atrações artísticas, 80 cortejos itinerantes, 300 orquestras de frevo, 60 agremiações e 1.500 blocos, troças, maracatus, afoxés, caboclinhos, clubes, dentre outros. Conhecida por ser referência no Carnaval, Salvador deverá receber cerca de 770 mil turistas.


Comments are closed.