Diante do resultado de 10,6% apontado no último levantamento sobre o Índice de Infestação do mosquito Aedes aegypti, o LiraA, a Prefeitura de Ituiutaba iniciou nesta quarta-feira, 24, o mutirão para recolhimento de utensílios e qualquer outro tipo de material que possa servir de abrigo para o mosquito.

Segundo o coordenador de Departamento de Vigilância Ambiental do Centro de Controle de Zoonoses, Paulo Sérgio de Oliveira, nesta semana os agentes de endemias iniciaram o mutirão pelos dez primeiros bairros com maior índice de infestação,sendo Elândia; Jardim Jamila; Central; Distrito Industrial; Bela Vista; Progresso; Residencial Buritis; Cristina; Mirim e Eldorado.

“Enquanto uma equipe com dez agentes percorrem, aleatoriamente, os endereços onde pesquisamos no último LiraA, outros estão trabalhando em diferentes setores com visitas, abordagem e orientações nas residências. Começamos pelos Bairros Elândia e Tupã, mas iremos continuar visitando e fazendo junto com o morador a limpeza por outros setores. Ninguém precisa separar lixo antes da nossa chegada, porque este não é como aquele mutirão anterior com avisos nos bairros, o que estamos fazendo agora é diferente”, disse Paulo.

Continua após a publicidade

Pneus usados

Os pneus usados são os vilões, campeões de preferência para a proliferação do Aedes. Segundo o Centro de Zoonoses, o depósito para recolhimento deste tipo de material continua recolhendo e recebendo normalmente o descarte de pneus no barracão ao lado da fábrica de manilha da prefeitura, no início da Avenida José Magalhães Pinto, em frente à CASEMG. Mensalmente, uma carreta com cerca de 20 toneladas saem deste depósito para as fábricas em São Paulo.

Foto: Ascom Ituiutaba

Comments are closed.