Lugano não fará parte da comissão técnica do time, nem estará restrito a trabalhar com o futebol Fonte: Divulgação

O ídolo Lugano, ex-zagueiro do São Paulo até dezembro do ano passado, está perto de ser anunciado como novo “reforço” do clube nos próximos dias. Ele terá um cargo de dirigente no futebol, ao lado de Raí e Ricardo Rocha.

Detalhes contratuais ainda estão sendo acertados nesta sexta-feira. O Estado apurou que, nos corredores do Morumbi, a chegada de Lugano já é certa para a semana que vem, mas o uruguaio estuda acompanhar a cúpula tricolor no clássico com o Corinthians, no sábado, pela 4ª rodada do Paulistão.

Continua após a publicidade

Lugano não fará parte da comissão técnica do time, nem estará restrito a trabalhar com o futebol no CT da Barra Funda. A diretoria conta com a experiência do ídolo para ajudar nos vestiários, mas também vê como positiva sua influência política e institucional em nível internacional, na América do Sul.

As primeiras propostas para Lugano continuar no São Paulo aconteceram quando Vinicius Pinotti ainda era o executivo de futebol do clube, em 2017 – na época, o uruguaio sabia que não renovaria seu contrato de atleta com o clube. Ele chegou a receber propostas para continuar atuando como jogador no exterior, mas sua identificação com o clube e a vontade de permanecer na cidade de São Paulo pesaram na decisão.

Superesportes


Comments are closed.