Gol de Fred foi fundamental para a retomada da liderança do Campeonato Mineiro pelo Cruzeiro Fonte: Sérgio Roberto Oliveira/Light Press/Cruzeiro

Saiu o tão esperado primeiro gol do atacante Fred em seu retorno ao Cruzeiro. O tento do camisa 9 ajudou a Raposa a vencer o Tombense, na noite deste sábado, por 2 a 1, no Ipatingão, pela 4ª rodada do Campeonato Mineiro. Daniel Amorim marcou para a equipe de Tombos e Rafinha completou o placar para o clube celeste. Desta forma, o meia-atacante se tornou o artilheiro isolado do Estadual com quatro gols.

Com o resultado, o Cruzeiro reassumiu a liderança do Campeonato Mineiro, que ficou horas ocupada pelo América, após vitória sobre o Boa Esporte, no Independência. A Raposa possui os mesmos 10 pontos do Coelho, mas leva vantagem no saldo de gols (7 a 4). O Tombense permanece na 7ª colocação, com quatro pontos.

Continua após a publicidade

Na próxima rodada, Cruzeiro e América medem forças em duelo que pode valer a liderança isolada do Mineiro. A partida acontece no domingo que vem, às 17h, no Mineirão. Em Tombos, o Tombense tenta se recuperar diante do Uberlândia. O confronto será no sábado, às 18h.

Cruzeiro assusta, mas Tombense aproveita falha e abre o placar

O técnico Mano Menezes decidiu poupar o volante Henrique e colocar Bruno Silva como primeiro volante, formando dupla com Ariel Cabral. Além disso, o treinador optou por voltar com o zagueiro Leo e o meia Rafinha na titularidade, deixando Manoel e Robinho, respectivamente, no banco de reservas.

Velocidade foi a tônica dos primeiros minutos de partida. Logo no primeiro lance do jogo, Rafinha cruzou da direita e a bola acabou acertando o defensor do Tombense. O meia do Cruzeiro pediu pênalti, mas a arbitragem nada marcou. Na esquerda, era Arrascaeta que oferecia perigo aos adversários. A equipe de Tombos, no entanto, não jogava atrás. Explorava muito o jogo em cima de Egídio. Aos 17’, Daniel Morais quase aproveitou cruzamento da direita, chegando a desviar, assustando a defesa celeste.

O Cruzeiro deu a resposta aos 29’, na primeira chance real de gol na partida, quando Rafinha achou Arrascaeta livre na área. O camisa 10 dominou e bateu firme, mas Darley fechou o ângulo e fez grande defesa. Fruto da marcação alta que a Raposa implementou, dificultando a saída de bola do Tombense. Aos 38’, Fred cabeceou forte na área. A bola tinha endereço certo, mas o lateral David tirou o perigo de cima da linha, frustrando o camisa 9 que buscava o primeiro gol em seu retorno ao clube celeste.

Mas quem balançou as redes primeiro foi o Tombense. Caio César levou a melhor na briga pela bola com Bruno Silva na intermediária e tocou para Daniel Amorim, que girou e bateu no canto esquerdo de Fábio. 1 a 0.

Pressão celeste, gol de Fred e artilharia de Rafinha: o panorama da segunda etapa

Apesar do gol do Tombense, Mano Menezes entendeu que o Cruzeiro foi melhor na primeira etapa e manteve o time. O mesmo fez o Ramon Menezes, técnico da equipe de Tombos. Mas, assim como nos primeiros 45 minutos, a Raposa manteve a posse de bola e a todo instante rondava a área adversária. E aos 6’, o momento tão esperado para Fred: seu primeiro gol com a camisa celeste. O camisa 9 cabeceou na pequena área após cruzamento de Arrascaeta da esquerda e fez 1 a 1.

A resposta do Tombense veio dois minutos depois, quando Cássio Ortega cobrou escanteio fechado, obrigando Fábio a se esticar para executar a defesa. A equipe de Tombos tentava segurar a bola no ataque para diminuir a pressão do Cruzeiro, mas a Raposa seguia no campo adversário. A virada quase veio aos 19’. Rafinha cruzou da direita, a defesa afastou mal e a bola sobrou para Thiago Neves, que mandou rente à trave direita do goleiro Darley.

Aos 28’, Arrascaeta deu lugar a Robinho. Com isso, Rafinha, que atacava pela direita, passou a jogar pela esquerda. A inversão promovida por Mano surtiu efeito dois minutos depois, quando Ariel descolou belo lançamento para Rafinha, que ficou de frente para Darley. O goleiro do Tombense salvou o primeiro lance, mas, no rebote o camisa 18 da Raposa estufou as redes do Ipatingão para virar a partida: 2 a 1.

O Tombense até apostou em mais um atacante, com a entrada de Maycon Douglas para o lugar de Caio César. Mas de nada adiantou. A Raposa conquistou a terceira vitória no Campeonato Mineiro.

TOMBENSE 1 x 2 CRUZEIRO

Tombense

Darley; David, Wellington, Anderson e Bruninho; PH, Nathan (Everton, aos 12min do 2ºT), Cassio Ortega e Caio César (Maycon Douglas, aos 40min do 2ºT); Daniel Amorim e Flávio (Luiz Fernando, aos 25min do 2ºT).

Técnico: Ramon Menezes

Cruzeiro

Fábio; Edilson, Leo, Murilo e Egídio; Bruno Silva e Ariel Cabral; Rafinha, Thiago Neves (Rafael Sobis, aos 34min do 2ºT) e Arrascaeta (Robinho, aos 28min do 2ºT); Fred (Raniel, aos 36min do 2ºT).

Técnico: Mano Menezes

Gols: Daniel Amorim, aos 45 minutos do primeiro tempo (TOM); Fred, aos seis minutos do segundo tempo (CRU); Rafinha, aos 30 minutos do segundo tempo (CRU)

Cartões amarelos: Wellington Carvalho, PH, Cassio Ortega e Caio César (Tombense); Ariel Cabral e Robinho (Cruzeiro)

Motivo: quarta rodada do Campeonato Mineiro

Local: Estádio Municipal João Lamego Netto (Ipatingão), em Ipatinga

Data e horário: sábado, 27 de janeiro de 2018, às 19h (de Brasília)

Árbitro: Cleisson Veloso Pereira (CBF)

Assistentes: Marcus Vinicius Gomes (CBF) e Marcyano da Silva Vicente (CBF)

Público: 14.751

Renda: R$781.290,00

Superesportes


Comments are closed.