Homem reage a assalto em bar do Buritis, fere dois bandidos e foge

Uma tentativa de assalto a um bar do bairro Buritis, na região Oeste de Belo Horizonte, terminou com dois jovens baleados no início da madrugada desta quinta-feira (1º). Um cliente reagiu e baleou os suspeitos de 22 e 24 anos, fugindo do local logo em seguida. 

Conforme o boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM), o proprietário do estabelecimento, que fica na avenida Aggeo Pio Sobrinho, contou que os dois suspeitos chegaram ao local por volta de 0h15 e anunciaram o assalto, sendo que um deles estava armado. 

Ainda conforme o dono do bar, havia um cliente no local que sacou uma arma e reagiu ao assalto, efetuando disparos contra os assaltantes, que revidaram. Após ferir a dupla, o cliente fugiu do local e não foi identificado, ainda de acordo com a PM. 

Um dos suspeitos, de 22 anos, foi atingido duas vezes no pescoço e duas no tórax. Em estado mais grave, ele ficou no bar e foi socorrido até a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Oeste pela viatura que atendeu a ocorrência. 

Quando os militares chegaram à unidade de saúde, se depararam com o outro autor, de 24 anos, que havia fugido do local, em busca de tratamento médico. Ele foi baleado no abdome, mas estava consciente e acabou confessando ter participado da tentativa de assalto. Ele disse que, após ser baleado, fugiu para procurar socorro, tendo abandonado a arma usada em um matagal. 

FOTO: LEONARDO ALVARENGA / DIVULGAÇÃO
assalto bar buritis
Suspeitos foram transferidos para o HPS João XXIII

Os dois foram transferidos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital de Pronto-Socorro (HPS) João XXIII, no centro de Belo Horizonte, onde estão internados sob escolta policial.

A ocorrência foi encerrada na Central de Flagrantes (Ceflan) 3 e a Polícia Civil (PC) investigará o crime. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

BHTrans inicia operação Volta às Aulas nesta quinta-feira (1º)

Presidente Temer diz que reforma da Previdência “não é bicho-papão”