Homem rouba carro e, ao ser preso, diz que era para ‘dar rolê’

O plano era um passeio romântico, mas o destino acabou sendo o Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) Gameleira. Um homem de 24 anos foi preso em flagrante na última terça-feira (30), suspeito de roubar o carro de uma motorista de um aplicativo de transporte enquanto trabalhava no bairro Padre Eustáquio, na região noroeste de Belo Horizonte.

Para a polícia, o suspeito, que estava armado, contou que queria ‘dar um rolê’ com a ficante. No entanto, segundo o delegado responsável pelo caso, ele já estava bem intencionado sobre o crime e, provavelmente, o roubo foi encomendado.

“Á vítima estava distraída manuseando o celular quando foi abordada pelo autor com uma arma na cabeça. Ele ordenou que ela passasse para o banco traseiro, mas assustada, ela saiu correndo. Já estávamos monitorando a região e conseguimos capturá-lo rapidamente”,  explicou o delegado José Luiz Quintão.

Bastante arrependido, esta foi a primeira passagem do suspeito pela polícia. A corporação, no entanto, trabalha com hipótese de que o homem tenha feito outras vítimas na região. “Estava sem destino, desci  do ônibus, a mulher estava na rua e ai peguei. Eu sobrei, queria pedir desculpas para ela pelo que eu fiz. Cadeia não é para ninguém”, desabafou o homem. 

PM fecha laboratório de refino de drogas em Ituiutaba

23ª edição da Copa PMU/Futel de Futsal será lançada nesta sexta