Morador de Ouro Branco tem morte confirmada por febre amarela

Minas Gerais teve mais uma morte confirmada por febre amarela nesta sexta-feira (2). Desta vez, um morador de Ouro Branco, na região Central de Minas, teve o laudo da  Fundação Ezequiel Dias (Funed) positivo para a doença. O paciente é um homem de 41 anos que estava internado no Hospital Regional de Barbacena, no Campo das Vertentes. O óbito ocorreu no último domingo (28).

Com a morte sobe para quatro o número de óbitos pela doença de pacientes internados em Barbacena. Os dois primeiros óbitos foram no último dia 25 de janeiro de um homem de 42 anos, de Senhora de Oliveira, e de um morador, também de 42 anos, de Barbacena. A terceira vítima foi um  morador de Piranga de 57 anos que morreu no último sábado (27).

Ainda há um caso em investigação na cidade. Um morador de Caranaiba, de 58 anos, morreu nesta quinta-feira (1) no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Regional por falência múltipla dos órgãos e febre hemorrágica e com suspeita de febre amarela.

Com essa morte chega a, pelo menos, 45 o número de óbitos pela doença no Estado, segundo balanço da reportagem de O TEMPO. Na última terça-feira (30) a Secretaria de Estado de Saúde (SES) contabilizou 36 mortes, porém com as confirmações das prefeituras da cidade do interior os óbitos já chegam a 45.

Mulher desfere 16 golpes de podão em idoso de 81 anos, em Capinópolis

Árvore cai em cima de casa no bairro Novo das Indústrias