Jovem some após sair de casa dizendo que iria ao chá de bebê da tia

Um casal da cidade de Betim, na região metropolitana, está aflito à procura do filho Ronildo Barbosa dos Santos, de 17 anos, que saiu de casa no último sábado (10) e ainda não retornou.

“Ele tinha me pedido para ir ao chá de bebê da tia dele, que mora no mesmo bairro. Meu filho saiu de casa, vestindo uma camisa amarela, uma bermuda preta, e um chinelo, alem de uma mochila nas costas”, explicou emocionado o desempregado Romildo Barbosa Gomes, que é pai do jovem.

O desaparecimento do estudante do primeiro ano do ensino médio só foi percebido no domingo, quando a mãe de Ronildo ligou para a casa da tia e foi informada que o adolescente nem havia comparecido a festa.

Desesperados, os pais chegaram a ligar para o celular do filho, mas ninguém atendeu as ligações. “Foi ai que começamos a procura por ele. Só hoje – terça-feira (13) – que um conhecido disse ter visto Ronildo, pedindo informações sobre ônibus que saiam de Betim com destino a estação do metrô Eldorado, em Contagem”, contou o pai.

Com lágrimas nos olhos, o Romildo explicou que o filho era tranquilo e que não tinha registro de brigas com os pais e nem com os amigos. O jovem não trabalhava e não sabia andar na capital, como contou a família. “Ele não conhecia ninguém em Belo Horizonte e nem sabia chegar lá”, disse o pai. 

O medo da família é que o adolescente tenha pegar o metrô com destino a rodoviária da capital, de onde poderia embarcar para outro Estado.

“Depois que ele sumiu, um amigo do meu filho me contou que o Ronildo tinha um rolo com uma mulher do Rio de Janeiro. Uma mulher até chegou a ligar no número lá de casa, nesse tempo, dizendo ser namorada dele, mas quando a gente perguntou por Ronildo, ela desligou”, lamentou o pai desesperado.

A família já registrou um boletim de ocorrência relatando o desaparecimento do estudante. Quem tiver informações do adolescente pode entrar em contato pelo telefone 9 95819174 ou pelo 9 97256112. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Temer anuncia em Roraima grupo para tratar da crise migratória dos venezuelanos

Conmebol não atende pedido da Chapecoense, mas pune Nacional por ‘aviãozinho’