‘Só Deus sabe o que estamos passando’, diz tia de feridos em acidente

Na porta do Hospital de Pronto Socorro João XXIII, na manhã desta quarta-feira  (14), a dona de casa Valdirene Amaral, de 30 anos, aguarda por notícias da sobrinha de 14 anos, que está entre as vítimas do acidente de ônibus na região do Barreiro, em Belo Horizonte. Um irmão de adolescente, um menino de 12 anos, também ficou ferido.

“Eles iam com mais parentes para uma marchinha de Carnaval no bairro Tirol quando tudo aconteceu. Meu sobrinho está no Risoleta  Neves com fraturas no rosto e deve ser transferido para cá. Já minha sobrinha está em estado grave, passou por cirurgia e segue em coma”, explicou.

Segundo ela, algumas vítimas que morreram eram vizinhas. “Só Deus sabe o que a gente está passando. Estou com o coração partido pelas pessoas que morreram. Esperamos que outras famílias não passem por isso. Deus que nos sustenta”, finalizou.

Além do motorista, Márcio João de Carvalho, de 58 anos, também morreram Naiara Dias Martins, de 30 anos, Deise Fátima Trindade, de 56, Maria do Carmo Pereira Santos, de 73, e Thais Soares Moraes, 25 anos. As passageiras e o funcionário da empresa de ônibus começam a ser velados ainda nesta quarta. 

 

O acidente

O ônibus da linha 305 (Estação Diamante/Mangueiras) perdeu o controle e desceu a rua em alta velocidade. Após bater no meio-fio, o veículo “decolou” e acabou indo parar dentro do córrego Mangueiras, na rua José Luiz Raso, ficando com a frente escorada em um muro do outro lado do curso d’água e a traseira dentro do leito. Ainda não se sabe qual foi a causa do acidente, mas suspeitasse de defeito mecânico ou que o motorista tenha sofrido um mal súbito. 

Segundo o último boletim médico, divulgado às 22h de terça-feira pela Fundação Hospitalar de Minas Gerais (Fhemig), nove dos 18 feridos no acidente foram encaminhados para o Hospital de Pronoto-Socorro (HPS) João XXIII. Deles, três estão em estado grave.

As outras seis vítimas estão estáveis, ainda conforma a unidade de saúde, porém, cinco delas precisarão passar por procedimentos cirúrgicos. Dentre os nove feridos levados para o HPS, estão quatro homens e cinco mulheres com idades entre 14 e 32 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Corretora em Ituiutaba apresenta opções em consórcios com até 80 meses para pagar

‘Acorda Amor’ faz seu primeiro desfile nesta quarta-feira de Cinzas