Tamanduá-bandeira caminha tranquilamente pelas ruas de Ituiutaba

Foto: Polícia de Meio Ambiente / Divulgação

Na madrugada desta quinta-feira, 14, um tamanduá-bandeira foi visto caminhando tranquilamente por via pública na cidade de Ituiutaba. O sargento Eduardo Venâncio, da Polícia Militar de Meio Ambiente e Trânsito foi quem avistou o animal silvestre.

Para garantir a integridade física do animal foi feito o acompanhamento do mesmo até uma pequena mata, que tinha próximo ao local e que daria acesso ao animal ao seu habitat natural.

O Tamanduá-Bandeira é um dos símbolos do cerrado e está ameaçado de extinção.

A migração de animais silvestres infelizmente é uma realidade, dentre os fatores podem citar a expansão urbana o avanço das fronteiras agrícolas, que acaba por destruir ou reduzir o habitat natural dos bichos, que fazem esta caminhada pela vida em busca de alimento, água e abrigo.

Vale ressaltar que a crença que este animal ataca com o conhecido “abraço do tamanduá” acaba por ceifar a vida deste belos exemplares de nossa fauna silvestre.

O Animal Silvestre não ataca, mas se acuado, pode por instinto atacar para se defender, sendo assim para preservar a integridade física dos animais e das pessoas o mais prudente e correto e ligar para as autoridades competentes para fazer correta contenção/captura e remoção do animal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sine disponibiliza vagas de emprego com salários de até R$1.500,00

Volta para casa já tem trânsito lento na BR-040 na chegada a BH

Tamanduá-bandeira caminha tranquilamente pelas ruas de Ituiutaba

Foto: Polícia de Meio Ambiente / Divulgação

Na madrugada desta quinta-feira, 14, um tamanduá-bandeira foi visto caminhando tranquilamente por via pública na cidade de Ituiutaba. O sargento Eduardo Venâncio, da Polícia Militar de Meio Ambiente e Trânsito foi quem avistou o animal silvestre.

Para garantir a integridade física do animal foi feito o acompanhamento do mesmo até uma pequena mata, que tinha próximo ao local e que daria acesso ao animal ao seu habitat natural.

O Tamanduá-Bandeira é um dos símbolos do cerrado e está ameaçado de extinção.

A migração de animais silvestres infelizmente é uma realidade, dentre os fatores podem citar a expansão urbana o avanço das fronteiras agrícolas, que acaba por destruir ou reduzir o habitat natural dos bichos, que fazem esta caminhada pela vida em busca de alimento, água e abrigo.

Vale ressaltar que a crença que este animal ataca com o conhecido “abraço do tamanduá” acaba por ceifar a vida deste belos exemplares de nossa fauna silvestre.

O Animal Silvestre não ataca, mas se acuado, pode por instinto atacar para se defender, sendo assim para preservar a integridade física dos animais e das pessoas o mais prudente e correto e ligar para as autoridades competentes para fazer correta contenção/captura e remoção do animal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sine disponibiliza vagas de emprego com salários de até R$1.500,00

Volta para casa já tem trânsito lento na BR-040 na chegada a BH