PM encontra corpo de mulher enterrado no quintal de casa; irmã é presa pelo crime

Imagem: Corpo de Bombeiros / Divulgação

Uma denúncia de tráfico de drogas acabou levando a Polícia Militar (PM) a descobrir um homicídio e ocultação de cadáver. Uma mulher, de 37 anos, foi presa em Uberaba, no Triângulo Mineiro, depois de confessar que matou e enterrou no quintal de casa a própria irmã, de 41 anos. O crime foi desvendado na madrugada desta quarta-feira, 21.

A Polícia recebeu uma denúncia indicando o tráfico de drogas na casa localizada na Avenida Orlando Rodrigues da Cunha. Os militares chegaram ao local à 0h10 de hoje, 21. A denúncia indicava que a droga estaria enterrada no quintal.

Ao escavar o local, que estava remexido, a surpresa – o corpo da vítima, a dona de casa Helenita Correa da Cruz, foi descoberto. A cabeça estava envolta em um saco plástico.

A autora, que não teve o nome revelado, confessou ter matado a irmã com golpes de faca após ambas ingerirem bebida alcoólica. O crime aconteceu há um mês, mas ela não soube precisar a data. Aos familiares, a autora disse que Helenita viajou para São Paulo.

A mulher foi conduzida à Delegacia de Plantão da Polícia Civil e foi autuada em flagrante por ocultação de cadáver.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Corpo do sargento Paulo Filho é resgatado na represa de Boa Sorte seis dias após afogamento

Final feliz: jovem de 14 anos que havia desaparecido em Ituiutaba é encontrado