Santana dos Montes decreta situação de emergência por febre amarela

A cidade de Santana dos Montes, na região Central de Minas, gerais decretou situação de emergência por causa da febre amarela, nesta terça-feira (20). Apesar de só ter um caso confirmado da doença, nove macacos morreram na cidade. O decreto vai ajudar para que a liberação de vacinas seja mais rápida.

“O paciente que teve febre amarela está bem, recebeu atendimento e está em casa, mas tivemos muitas mortes de primatas por causa da febre amarela, o que acabou gerando uma apreensão e a certeza que o vírus circula na cidade”, informou o secretário de saúde de Santana dos Montes, Rozemberg Aparecido Teixeira.

O decreto tem 90 dias de vigência podendo ser prorrogado. Com a medida, a cidade tem acesso mais rápido a vacina e medicamentos, se houver necessidade. Para evitar que mais pessoas tenham a doença, a vacinação foi intensificada no município, que tem 3.892 moradores.

“Quatro  técnicos do Hospital Eduardo de Menezes, em Belo Horizonte, estão na cidade para ajudar na vacinação. A expectativa é vacinar 100% da população, mas até agora temos 88% de vacinados”, disse Teixeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Líderes do PTB se reúnem com Temer e devem tratar de indicação para o Trabalho

Demitido, Gustavo Vieira critica disputa política e impasse financeiro no Santos