Homem é preso por chamar mulher de ‘macaca preta’ e agredir policial

Um homem de 40 anos foi preso, nesta segunda-feira (26), depois de chamar uma jovem de “macaca preta” e agredir um policial com mordidas e cabeçadas em Patos de Minas, no Alto Paranaíba. De acordo com a Polícia Militar, o homem estava com sinais de embriaguez. Ele foi preso por  injúria racial, desobediência, resistência e dano ao patrimônio público.

Ainda de acordo com a polícia, o suspeito estava na rua Doutor Victor Sousa, no Bairro Novo Horizonte e por volta de 15h ele começou a ser racista com uma jovem de 20 anos que estava passando pelo local. A vítima contou aos militares que ele a chamou de “macaca preta”, “vagabunda” e “piranha”. A jovem acionou a Polícia Militar.

Quando os militares foram atender a ocorrência, o suspeito ficou muito agressivo e começou a morder um policial e dar cabeçadas nele. Os policiais precisaram usar de força para conter o homem. Depois de colocado na viatura, ele ainda começou a dar chutes e danificou a viatura.

O suspeito já tem passagens pela polícia por crimes como furto, uso de drogas e roubo. Ele teria saído da prisão a pouco tempo. O suspeito foi encaminhado à Delegacia de Polícia de Patos de Minas. O policial agredido ficou ferido e precisou de atendimento médico. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Acidente na BR-365, próximo a Patrocínio, faz uma vítima fatal

Homens são presos por roubarem motorista de aplicativo em BH